Codeína aparece no Exame Toxicológico? Descubra!

Codeína aparece no Exame Toxicológico? Descubra!

6 de novembro de 2023 0 Por Marketing Digital

Descobrir se a codeína, e outros medicamentos, aparecem no exame toxicológico ajuda você a se prevenir, garantindo uma direção mais segura. Saiba mais.

Afinal, a codeína aparece no exame toxicológico? Descobrir isso é importante para ser aprovado no teste e continuar dirigindo profissionalmente. Até porque, muitos caminhoneiros costumam usar esse medicamento para aliviar dores após longas jornadas dirigindo.

O problema é que a codeína, e outros medicamentos, podem causar sonolência, atrapalhando a direção segura. Além disso, o uso inadequado ou sem prescrição médica é perigoso para a saúde.

Por isso, preparamos este post para você entender se a codeína aparece no exame toxicológico, por quanto tempo fica no organismo e muito mais. Continue a leitura!

O que é codeína no exame toxicológico?

Um exame toxicológico busca identificar substâncias químicas no organismo, como drogas ou medicamentos. O objetivo dele é autorizar a direção profissional apenas para os motoristas que não consomem esses elementos.

Assim, ao fazer o exame toxicológico, o laboratório procura por vestígios de substâncias químicas no seu corpo. Esses testes conseguem detectar a presença delas no seu organismo mesmo que você tenha tomado o medicamento 90 ou 180 dias antes.

A codeína aparece no exame toxicológico?

Sim! A codeína aparece no exame toxicológico, dependendo do tipo de teste realizado e da sensibilidade dele. Isso porque ela faz parte da categoria de medicamentos que podem alterar a tomada de decisão segura, como ao dirigir.

A explicação é a codeína ser um opioide, substância analgésica, que também pode causar sonolência, o que não combina com direção segura, certo? Afinal, é necessário ter atenção e reflexos rápidos, principalmente ao dirigir caminhões.

Mas claro, você pode tomar codeína com prescrição médica para aliviar dores e outros problemas de saúde, como tosse. Nesse caso, é preciso informar ao laboratório onde o exame toxicológico será feito e comprovar a necessidade. Assim, ele orienta você sobre os próximos passos.

Tramadol aparece no exame toxicológico?

O tramadol aparece no exame toxicológico, já que é uma substância química opioide — como a codeína. O medicamento é usado para aliviar a dor moderada a intensa potentemente.

Os efeitos colaterais do tramadol podem ser sonolência, náuseas e constipação. Também é importante destacar que tanto o tramadol quanto a codeína podem causar dependência, se usados de forma prolongada ou inadequada.

Inclusive, o uso de medicamentos como o tramadol deve ser sempre realizado sob prescrição médica e seguindo as orientações do profissional de saúde. E ainda, o abuso ou o uso indevido de qualquer substância pode ter consequências graves para a saúde.

Quais medicamentos aparecem no exame toxicológico? 

Em um exame toxicológico podem ser detectadas várias substâncias, incluindo medicamentos prescritos — como a codeína — e drogas ilegais. Entre elas:

  • opioides – como morfina, oxicodona e hidrocodona, entre outros analgésicos fortes;
  • benzodiazepínicos – como diazepam (Valium), alprazolam (Xanax) e clonazepam (Rivotril), utilizados para ansiedade e distúrbios do sono;
  • anfetaminas e metanfetaminas – como dextroanfetamina (Adderall) e metanfetamina (Ice, Crystal Meth), utilizadas como estimulantes;
  • cocaína – droga estimulante ilegal;
  • maconha (THC) – substância psicoativa encontrada na planta da cannabis;
  • barbitúricos – como fenobarbital, utilizados como sedativos e antiepilépticos;

Porém, o tipo de exame e as substâncias detectadas variam, dependendo do objetivo do teste e das diretrizes específicas do laboratório ou instituição responsável pelo exame.

Quanto tempo a codeína fica no organismo para exame toxicológico?

No geral, o exame toxicológico pode detectar a presença de codeína — assim como outras drogas no organismo — de 90 a 180 dias. Porém, o efeito desse medicamento dura cerca de 3 a 6 horas.

Então, caso você precise fazer um exame toxicológico e esteja preocupado com a presença de codeína, é indicado informar o laboratório sobre os medicamentos tomados recentemente.

Como limpar o organismo para fazer exame toxicológico?

Você pode ajudar na limpeza do organismo após consumir medicamentos ou drogas para o corpo voltar a funcionar normalmente. Algumas dicas são:

  • hidratação – beber bastante água ajuda a aumentar a frequência urinária e na eliminação de substâncias do organismo;
  • alimentação saudável – adotar uma dieta balanceada, rica em frutas, legumes e alimentos naturais;
  • atividade física – a prática regular de exercícios pode estimular o metabolismo e a eliminação de substâncias do organismo.

Quer dizer, essas dicas aceleram o processo de eliminação de algumas substâncias. Porém, elas não fazem com que o organismo fique completamente livre delas antes de 90 a 180 dias. Em outras palavras, não é possível alterar o resultado do exame toxicológico.

O que fazer para não constar nada no toxicológico?

Não se pode burlar o exame toxicológico a ponto dele não constar nenhuma substância, caso você tenha consumido nos últimos 90 a 180 dias. Ou seja, a maneira mais segura de evitar que qualquer substância seja detectada em um exame toxicológico é não consumi-las.

Além disso, siga as orientações médicas rigorosamente, caso você esteja tomando medicamentos prescritos. Desse jeito, ao passar pelo teste, é possível comprovar a recomendação médica, evitando diversas consequências de um exame toxicológico positivo.

Assim, esqueça métodos sem evidências científicas confiáveis de interferência no exame toxicológico, como vinagre e shampoo de limpeza profunda, por exemplo. Inclusive, tentar fraudar este teste é crime, podendo levar você ao bloqueio da CNH, multa e prisão, dependendo do tipo de tentativa adotada. 

Como fazer exame toxicológico caseiro?

Os exames toxicológicos caseiros podem ser encontrados em algumas farmácias ou lojas especializadas. Porém, eles não são equivalentes aos realizados em laboratórios especializados, devido à menor precisão e confiabilidade. 

Além disso, exames toxicológicos para motoristas profissionais precisam ser feitos em um laboratório credenciado pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran) ou outra entidade reguladora responsável.

Conte como a LABET para realizar o seu exame toxicológico

Então, descobriu que a codeína aparece no exame toxicológico? Afinal, mesmo ao usar com prescrição médica para tratamento, ela pode causar sonolência, diminuindo a atenção e os reflexos rápidos, necessários para direção segura.

Mas não se preocupe! Você pode apresentar a receita média ao laboratório de exame toxicológico para evitar problemas. Mas para isso, é preciso que ela seja de qualidade, confiança e com o melhor custo-benefício. Assim, agenda agora mesmo o seu exame toxicológico com a Labet!