Você tem acompanhado como anda a inovação no RH? Muitos gestores e profissionais da área já compreenderam os benefícios promovidos pelas ações inovadoras. Elas garantem a atualização do setor e ferramentas mais adequadas para se trabalhar.

Quem já tem alguma experiência com o mercado, conhece os desafios e percalços a serem superados pelas empresas de transporte. A inovação no RH vem para facilitar o trabalho desse colaborador, e, claro, ajudá-lo a alcançar os objetivos e metas pretendidos pelos empregadores.

Por isso, elencamos 5 maneiras de buscar esse aperfeiçoamento e tornar o setor de RH da sua empresa ainda mais eficiente. Confira no texto de hoje. Boa leitura!

1. Entender o colaborador como força motriz da empresa

Muitas vezes, frente ao diálogo que buscamos estabelecer com os motoristas, por exemplo, percebemos que essa categoria geralmente possui muitas reivindicações. Não cabe a empresa resolver todos os problemas de ordem pessoal do funcionário, mas é importante ouvi-lo e saber como ajudar.

Comece por estabelecer as prioridades citadas pelos empregados e pesquise as soluções. Resolver muitos desses contratempos pode não ser obrigação da firma, mas é de suma importância que o seu público se sinta assistido e perceba o interesse que se tem em ajudá-lo.

Como os ambientes de trabalho têm se tornado cada vez mais informais, lidar com essa realidade é saber entender as demandas e não deixar que o clima organizacional seja afetado de forma negativa.

Claro que queremos um ambiente agradável e descontraído, mas a ideia não é transformar a empresa em um playground e sim torná-la mais atrativa e compreensiva para a realidade de cada um.

O colaborador satisfeito trabalha com mais afinco, tem baixo absenteísmo, bom engajamento com a empresa e relacionamento interpessoal apropriado.

2. Treinar online os profissionais de RH

Não dá para esquecer a importância que esse profissional tem para a empresa. Sempre há esforço em levar palestrantes e conteúdo relevante para um bom treinamento de motoristas e carregadores, por exemplo. Mas frequentemente esquecemos de providenciar o mesmo para os componentes do setor de RH.

Esse é um departamento que trabalha com muita autonomia e raras vezes apresenta algum problema de ordem maior, o que significa que a área precisa se atualizar e ter um treinamento adequado. O treinamento via web se mostra como uma excelente opção.

Use a tecnologia a seu favor, pois vai reparar que na internet os preços são mais em conta e as aulas são completas e sucintas, sendo ministradas por excelentes professores. Utilizar softwares de capacitação online é uma excelente opção para valorizar o trabalho do RH.

Sem contar que por um preço bem menor, dá para planejar treinamentos mais frequentes, com boa acessibilidade e que estimula a autoaprendizagem e interação do colaborador com novas tecnologias corporativas.

Deixe seu email e ganhe desconto na compra do seu Exame Toxicológico na LABET!

3. Tornar o ambiente de trabalho mais humano

Essa é a tendência do mercado, tanto internacional quanto local. A interpretação meramente tecnicista da função do profissional é desmotivadora e retira o fator humano do trabalho, tornando-o mecanizado. Para o cenário dos motoristas, isso colabora muito pouco para seu bem-estar.

O foco precisa ser a experiência do colaborador dentro da empresa, essa é a tendência para o setor de RH de qualquer empreendimento, independente do segmento em que atua.

As ações devem ser voltadas para o sujeito enquanto indivíduo e não como profissional. Desde um lanche caprichado até o auxílio-creche. São formas de demonstrar o interesse pelo ser humano e não somente por sua força de trabalho.

Humanizar a gestão consiste em entender que cada pessoa possui suas próprias preferências motivacionais, e, não adianta tentar massificar as relações de trabalho, pessoas precisam de contato humano, diálogo e liderança.

4. Aplicar benefícios exclusivos

A teoria geral da administração já previa que a compensação financeira, por si só, não é o suficiente para tornar os colaboradores mais engajados com o propósito da empresa. Os benefícios exclusivos ajudam a melhorar a relação empregado x firma e a reter seus melhores colaboradores.

A criatividade impera nessas horas, e conhecer o público que se está lidando é fundamental. Por isso, o momento da formulação dos perfis é tão importante. Entenda que não adianta entregar benefícios que não possuem demanda. Um exemplo disso é oferecer descontos em academia para um público que prefere outra forma de se exercitar, como caminhadas, bike ou futebol com os amigos. Cartões benefício são ótimas opções. São fáceis de controlar e bem práticos para quem vai utilizar.  

No caso dos motoristas, um plano de saúde extensivo aos demais membros da família pode ser bem mais atrativo, concorda? Outras formas de incentivar o motorista profissional também são válidas, como compensação por meta no km rodado, número de entregas e redução nos atrasos. O mesmo vale para o RH: é importante estabelecer metas e compensá-las dignamente. O cuidado deve ser para não provocar competição desnecessária entre os colaboradores.

Considere também a participação nos lucros. Repartir os frutos do negócio com quem colabora diretamente para o sucesso do empreendimento gera sentimento de pertencimento e satisfação com seu próprio trabalho. Ações como essa também influenciam muito o trabalho do RH.

5. Atrair talentos de destaque no mercado

A grande verdade é que as empresas de transporte competem mais entre si, para captar e reter os talentos de destaque, do que na concorrência por fretes. Por isso, trabalhar para que o clima organizacional seja harmônico é essencial.

Valorizar aqueles profissionais notáveis fará com que sua equipe trabalhe sempre em alto nível. Os benefícios exclusivos aliados a boas condições de trabalho e uma remuneração decente, são passos fundamentais para que esses colaboradores permaneçam focados e produzam bons resultados. A grama do vizinho não parecerá tão verde e ficará mais fácil não trocar o certo pelo duvidoso.

Viu como são variadas as formas de se ter inovação no RH? O importante é ter as ferramentas e ações adequadas para tornar os empregados engajados, produtivos e satisfeitos tanto com seu trabalho quanto com a empresa.

E se você entendeu como é importante estar sempre pesquisando e estudando sobre sua área de atuação, não pode deixar de conferir este artigo no qual exploramos as possibilidades do RH estratégico! Abraços e até a próxima!