Alerta: veja como o excesso de trabalho pode ser prejudicial para saúde de caminhoneiros!

O excesso de trabalho é um problema. Quando se exerce uma função repetitiva, desgastante ou que exige uma condição específica, como é o caso dos caminhoneiros, esse elemento ganha ainda mais destaque.

Um motorista de caminhão fica sentado horas a fio, não tem muita mobilidade e conta com uma rotina e horários diferenciados.

Por isso, é necessário ter atenção no que diz respeito à qualidade de vida e a saúde de caminhoneiros, pois o desrespeito dos seus momentos de descanso pode acarretar em muitos problemas, tanto para o motorista colaborador quanto para a empresa responsável pelas entregas.

Que tal saber mais sobre isso? Vem com a gente!

Quais são os perigos do excesso de horas no volante para saúde de caminhoneiros?

A jornada de trabalho tem muito impacto no exercício da função do caminhoneiro. Ao dirigir muitas horas seguidas, sem descansar, alimentar-se corretamente ou ter um tempo para outras atividades, a pessoa fica sobrecarregada e mais suscetível às mais diversas ameaças para a profissão, como acidentes.

Além do estresse e das demais doenças que o excesso de trabalho acarreta, há ainda o risco de que o motorista — para “aguentar o tranco” — negligencie sua saúde, fazendo o uso de substâncias químicas das mais variadas. Sabemos que, infelizmente, essa situação é comum no mercado de transporte.

Deixe seu email e ganhe desconto na compra do seu Exame Toxicológico na LABET!

Por que a empresa deve se proteger desses danos?

A empresa fica protegida quando estende o cuidado preventivo a seus colaboradores. Além dos prejuízos ligados à falta de saúde ocupacional, o motorista, ao viver nessas condições, não vai se sentir realizado e a troca de experiências entre ele e a empresa se torna negativa.

Esses fatores afetam na forma como ele trata os parceiros e clientes, sujando o nome do negócio.

A falta de qualidade de vida na rotina de um caminhoneiro, por si só, já evidencia a negligência por parte do setor de RH da empresa.

Isso resulta em uma equipe desmotivada, problemas de percurso, serviço sem qualidade, acidentes, afastamentos por motivo médico, turnover altíssimo, mau posicionamento de mercado e prejuízos.

Como controlar a jornada de trabalho e evitar problemas para saúde de caminhoneiros?

Controlar a jornada de trabalho é um desafio, ainda mais para quem opera a logística de transportes, que inclui recursos humanos, materiais e fatores externos. A gestão de riscos e o planejamento devem estar sempre em alta. Além disso, investir em programas de qualidade de vida é uma saída estratégica.

A gestão deve utilizar tecnologia — que já se apresenta de maneira eficiente para tais fins — para rastrear o movimento dos veículos, registrando os horários e o tempo, como forma de emitir avisos, manter contato e intervir caso o motorista não esteja cumprindo suas pausas de rotina saudável.

Foco na qualidade de vida

Incentivar o descanso, os exercícios, a alimentação saudável e a participação ativa do motorista no negócio é uma maneira que a empresa tem para demonstrar que não está preocupada apenas com metas atingidas, mas sim com os agentes que tornam esses resultados possíveis.

Treinamentos, programas de prevenção ao uso de drogas, rotas e paradas pensadas para o bem-estar do caminhoneiro, boa organização e gestão de estoque — para agilizar o trabalho —, além de exames toxicológicos de qualidade, demonstram que a empresa leva o seu código de conduta e seu colaborador a sério.

Direcionamento do RH

O excesso de trabalho é altamente nocivo. Ainda que o serviço de motorista de carga seja naturalmente cansativo, os Recursos Humanos devem enxergar as condições da atuação como uma oportunidade de agir em prol da melhoria das condições e do reconhecimento do colaborador.

Pessoas querem ser cuidadas. Lembre-se sempre disso ao fazer a gestão delas. E como cuidar das pessoas é cuidar da saúde da empresa — e se manter dentro da Lei —, não se empenhe apenas na prevenção, mas também no combate a problemas recorrentes, como é o caso do uso de drogas: leia sobre exames toxicológicos de larga janela de detecção!

Powered by Rock Convert